sustentabilidade > Stakeholders > Stakeholders

Stakeholders

O envolvimento de Stakeholders no Grupo EDP é uma prioridade estratégica para a manutenção de um diálogo aberto e transparente da Companhia com as suas partes interessadas. Os objetivos da EDP são construir e reforçar relações de confiança, partilhar conhecimento e informação relevante, antecipar desafios e identificar novas oportunidades de cooperação com os nossos Stakeholders.

O novo modelo de segmentação de stakeholders do Grupo EDP, aprovado em 2013 pelo Conselho de Administração Executivo da EDP, conceptualiza a forma como a Companhia olha e agrega os seus stakeholders mais relevantes em quatro eixos de stakeholders: 

> Cadeia de Valor 
> Mercado 
> Democracia 
> Envolvente Social e Territorial 

A Cadeia de Valor inclui os Colaboradores, Sindicatos, Fornecedores, Comunidade Científica, Clientes, Associações de Consumidores e Associações Empresariais.

O Mercado integra a Concorrência, as Entidades Financeiras, os Acionistas e os Investidores.
Na Democracia estão representados a Regulação, o Parlamento, os Partidos Políticos e as Instituições Internacionais.

E, finalmente, na Envolvente Social e Territorial temos as Organizações Não Governamentais, as Comunidades Locais, as Autarquias, os Media e os Líderes de Opinião.

Este modelo, que acolhe a identificação e mapeamento dos principais stakeholders da EDP, atende à natureza dos stakeholders (se são públicos ou privados), à sua territorialização (se são regionais, nacionais ou supranacionais) e à sua segmentação (se integram a cadeia de produção e distribuição, a cadeia de valor), se se referem aos mercados, às políticas públicas e às regras e práticas de regulação, ou às formas de organização e poder de influência e decisão no exercício do respetivo protagonismo no modelo corporativo da EDP.


 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.